Você está usando o Internet Explorer 11, pode haver erros de exibição, por isso recomendamos o uso de um navegador como Google Chrome, Mozilla Firefox, Microsoft Edge ou Safari

Atrás

Sto apoia o V Congresso Internacional de Arquitetura e Sociedade sorteando 20 bolsas de estudo na COAVN

Sto ofereceu a 20 arquitetos do Colégio Oficial de Arquitetos Vasco Navarro (COAVN) a oportunidade de participar do 5º Congresso Internacional da Architecture and Society Foundation, um evento emblemático do setor que ocorreu nos dias 13 e 14 de junho em Pamplona e liderado por título 'Menos arquitetura, mais cidade'.

Francisco Mangado e Luis Fernández-Galiano, renomados arquitetos e patrocinadores da Fundação, estavam encarregados de dirigir este evento semestral que incluía a participação de personalidades institucionais como a prefeita de Madri, Manuela Carmena ou a presidente do governo de Navarro, Uxue Barkos. , além de profissionais reconhecidos no setor, como Dominique Perrault, Farshid Moussavi ou Jaime Lerner.

"Este Congresso se estabeleceu como um dos mais importantes encontros internacionais no campo da arquitetura, devido ao prestígio de seus participantes e à qualidade de seu conteúdo, com o objetivo de mostrar uma visão global a cada dois anos das novas tendências que marcam o setor. e o novo conceito da cidade. Por esse motivo, testemunhar e participar de cada uma das sessões agendadas é uma grande oportunidade para os arquitetos basco-navarrenses aprenderem em primeira mão sobre o futuro da arquitetura urbana ”, disse José Almagro, CEO da Sto Ibérica.

V Congresso Internacional de Arquitetura e Sociedade
Sob o lema "Menos arquitetura, mais cidade", este quinto encontro visa focar a cidade e as noções de liberdade, governo, futuro ou sustentabilidade que englobam esse conceito.

A sessão inaugural foi realizada pelos escritores Eduardo Mendoza e Leonardo Padura, que examinaram a cidade como cenário de libertação. Posteriormente, Uxue Barkos, Presidente do Governo de Navarra, Carlos Solchaga, Presidente da Fundação, e Francisco Mangado, Patrono Fundador, deram lugar à abertura oficial do evento.

Cinco anos com o melhor da arquitetura internacional
'Mais por menos' (2010), 'O comum' (2012), 'Arquitetura necessária' (2014) e 'Mudança climática' (2016), foram os quatro slogans que orientaram as edições anteriores, todos realizados em o centro de conferências Baluarte em Pamplona com mais de cinquenta arquitetos - entre eles dez prêmios Pritzker -, historiadores e críticos internacionais. O objetivo? Enfrentar a crise através da austeridade e solidariedade, promovendo os vínculos entre a arquitetura e a esfera social, e entre o desenvolvimento sustentável e o uso racional de recursos materiais e energéticos.